segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Breve opinião sobre habilitação e introdução do simulador.

  Apesar de ser apaixonado por carros demorei a tirar minha habilitação, burocracia, falta de grana e mesmo um receio de fazer alguma besteira por ser muito jovem, mas quando resolvi que era hora me deparei com erros grotescos na aula sobre noções de mecânica, tendo cursos na área e sendo um entusiasta de tecnologias automotivas tive que engolir seco muita coisa, no caso um instrutor do Centro de Formação de Condutores da parte teórica fez uma afirmação da qual nem quis questionar, já tinha questionado outro assunto e o cara realmente sabia o falava, sim fui irônico.
  Ninguém aprende a dirigir quando se habilita a tal atividade, nosso trânsito em parte é um reflexo do falho e arcaico sistema de avaliação de aspirantes a condutores, o início do problema ocorre logo no exame psicotécnico, existem muitos motoristas desequilibrados nas ruas e afinal de que serve esse exame, nas aulas teóricas não se aprende muito sobre o trânsito, na verdade são aulas que ensinam as manhas de ser aprovado no exame teórico, pois vejo que poucos motoristas respeitam sinalização horizontal, aquela pintada na via, ou que tenham noção de como se portar em uma rotatória, pasmem próximo de casa existem rotatórias onde o motorista que esta fazendo a rótula para no meio da manobra para dar a vez a quem poderia muito bem aguardar e não o faz, na verdade furam a placa de parada obrigatória e intimidam os demais motoristas, afinal cordialidade no trânsito só é bom na prova teórica do DETRAN.

  As aulas práticas são na verdade um adestramento para passar na avaliação, siga tudo corretamente com calma e a aprovação é a recompensa, mas me pergunto, deixar o motor apagar em rampa reprova o candidato, e qual motorista por mais experiente que seja jamais deixou o carro morrer? E ainda agora inventaram aulas no simulador para tentar barrar nossa guerra viária, simples, curto e na lata, esse novo passo vai tornar o processo ainda mais caro e cansativo, o que realmente mudaria a situação em que se tornou o trânsito no Brasil, medidas severas contra motoristas que não respeitam as leis de trânsito, educação de trânsito desde a escola primária, redução de impostos e seguros para bons motoristas e um sistema onde seja avaliada a verdadeira capacidade de uma indivíduo em ser habilitado, para o próximo texto desta que será uma pequena série vou explicar sobre o que me deixou chateado nas aulas teóricas, o hoje obrigatório freio anti bloqueio ou ABS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários ofensivos ou que não tenham relação com o assunto do blog não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...