quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Kia Picanto


  O Kia Picanto é um compacto urbano com produção iniciada em 2004, apresentado durante o Salão do Automóvel de Frankfurt em 2003, utiliza a plataforma do Hyundai Getz encurtada, o Picanto media apenas 3495 milímetros  e contava com carroceria de cinco portas, única opção de carroceria em sua primeira geração. Equipado com motor de 1,1 litro de três cilindros e 12 válvulas, o pequeno carro urbano desenvolvia 64 cv a 5500 rpm e torque máximo de 9,9 kgf.m a 2800 rpm, números modestos assim como a aceleração de 0 a 100 km/h que era feita em 15,1 segundos e tinha como velocidade máxima os 154 km/h, mesmo sem números notáveis é condizente com a proposta de uso urbano do carro, onde tais números não importam tanto, mas é possível arriscar pequenas distâncias em rodovias sem o menor problema. O peso do carro era de 890 kg e o consumo urbano ficava nos 13 km/l e o rodoviário em 15 km/l, números próximos, mas para o padrão urbano brasileiro onde chegou em 2006, era bem econômico.
Kia Picanto Lançado em 2004.
  No final de 2007, o Picanto passava por um facelift, na dianteira novo para-choque, grade e capô redesenhado e, a mudança mais marcante, os faróis agora mais arredondados que deixaram o pequeno carro mais simpático, na traseira leve modificação no para-choque e lanternas com elementos internos circulares. O motor também apresentava sua mudanças, agora com 1 litro mantinha a  potência de 64 cv que agora era entregue a 5600 rpm, o torque era reduzido para 8,9 kgf.m e era entregue nas 4500 rpm, o tempo levado para acelerar de 0 a 100 km/h piorou e era cumprido em 17,2 segundos e a velocidade máxima pouco se alterava atingindo 155 km/h. O consumo era ainda melhor nessa versão fazendo 13,5 km/l na cidade e 16,7 km/l em rodovia, números próximos ao do motor anterior mas ainda assim mostram uma evolução mesmo que pequena.
Traseira pós facelift.
  Em 2012, foi lançada a segunda geração do Picanto, mas o assunto aqui fica na primeira geração. Com sua pequenas dimensões, o Picanto não é o carro fácil de se ver preparado, mas poderia trazer resultados interessantes, suspensão esportiva, freios revistos, rodas, detalhes estéticos e até um kit turbo de pequenas dimensões poderiam fazer do carrinho um projeto divertido para as ruas ou pistas. Uma curiosidade sobre o Picanto é que ele recebeu diferentes nomes em alguns mercados, na Coreia do Sul, Hong Kong e Chile o nome do carro é Kia Morning, Kia New Morning no Vietnã e Naza Suria ou Naza Picanto na Malásia.
Picanto atual: mais bonito e melhor que a geração anterior, completa evolução.
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários ofensivos ou que não tenham relação com o assunto do blog não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...